(67) 3331-1655
Seg. a Sex. - 12h às 18h. Atendimento ao público: 12h às 17h

Notícias

Faça sua busca de notícias

Ir para: Todas as Notícias
Publicado em: 13/08/2019

CRMV-MS adverte sobre a importância da vacinação antirrábica de cães e gatos

Em MS as doses das vacinas já foram distribuídas, apenas Bonito irá receber essa semana

Em MS as doses das vacinas já foram distribuídas, apenas Bonito irá receber essa semana

No mês de agosto começa a mobilização de todos para promover a luta contra a raiva. O movimento conta com eventos realizados ao redor do mundo, com o objetivo de conscientizar a população, divulgar conhecimento e imunizar animais. No Mato Grosso do Sul, os municípios já estão se organizando para realizar a campanha antirrábica, Campo Grande por exemplo a vacinação é oferecida durante todo o ano. 

Para prevenir a propagação da raiva, o CRMV-MS orienta os tutores a imunizarem seus animais de estimação, seja nos centros de controle de zoonoses (CCZ), nas clínicas ou consultórios particulares, para garantir a prevenção da doença.

95% dos casos são provocados por cães infectados - A raiva é uma doença causada por vírus, do gênero Lyssavirus, da Família Rhabdoviridae. É caracterizada como uma encefalite progressiva aguda, de distribuição mundial, que acomete os mamíferos. Sua transmissão ao ser humano ocorre pelo contato com a saliva de animais infectados com o vírus e, geralmente, a infecção se dá por meio de mordeduras, podendo também ser por meio de arranhaduras e/ou lambeduras.

A raiva apresenta praticamente 100% de letalidade e, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em mais de 95% dos casos humanos a transmissão ocorre por agravos causados por cães infectados.

Vacinação Garantida em MS - Diferentemente do que vem ocorrendo em vários estados brasileiros, o Ministério da Saúde garantiu o envio das doses de vacinas para o estado, justamente por ser fronteira com a Bolívia através de Corumbá.

De acordo com os dados da Coordenação Estadual de Vigilância Epidemiológica dos 79 municípios sul-mato-grossenses, apenas Bonito ainda não recebeu as doses. “Bonito recebe as doses essa semana”, garantiu o gerente técnico de Zoonoses, Rafael Ovidio de Oliveira.

Ainda segundo dados da Vigilância Epidemiológica a população canina é de cerca de 522 mil animais, já a felina de 125 mil, portanto a imunização é crucial no controle dessa zoonose.

A importância da vacinação contra a raiva - A vacinação em cães e gatos tem importância zoonótica, ou seja, uma doença que pode ser transmitida ao ser humano. A vacina garante a manutenção de controle da raiva nos animais domésticos e consequentemente nas pessoas.

Sinais da raiva em pets - Caso o animal contraia a doença, é possível que ele apresente sinais neurológicos, como agressividade, excitação, confusão mental, sensibilidade à luz, convulsão ou paralisia ou paresia.

A importância da vacina contra a raiva se dá pelo fácil risco de contágio, principalmente para animais que vivem em áreas com muitos animais silvestres ou aqueles que viajam muito para áreas de risco como sítios e fazendas, ou qualquer outra situação que possa deixar o animal vulnerável.

Além disso, a raiva é uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida de animais para humanos. A raiva humana também é bastante agressiva e em quase 100% dos casos ela pode ser fatal. Manter o pet vacinado é uma questão de segurança para ele e para todos que convivem com ele.

Campanha de vacinação - Fique atento às datas e locais das campanhas para vacinação antirrábica de seus cães e gatos (também existe a raiva felina, que é muito semelhante a da canina) que a sua cidade promove.