CALENDÁRIO (67) 3331-1655
Atendimento: Seg a Sex - 12h às 18h

Notícias


Em fiscalização, CRMV-MS averigua denúncia em Consultório Veterinário na Região do Lagoa

Categoria: Bem-Estar Animal, Destaques, Fiscalização, Notícias | Publicado em: 05/06/2020

Mesmo com a pandemia da Covid-19, o Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMV-MS), mantém sua rotina de fiscalização, obedecendo às medidas de biossegurança. Em fiscalização realizada nesta sexta-feira (05), na Região do Lagoa em Campo Grande, foi averiguada irregularidades em um consultório veterinário que acabou sendo autuado.

Para que haja atendimento totalmente seguro para os pets, o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) publicou a Resolução nº 1275 em 2019, que conceitua e estabelece condições para o funcionamento de Estabelecimentos Médico-Veterinários de atendimento a animais de estimação de pequeno porte.

Portanto, de acordo com essa resolução, cada estabelecimento que oferece serviço para os animais de estimação precisa de um tipo de estrutura para poder realizar os procedimentos. Porém, de acordo com o gerente de fiscalização Nilson Bulhões no consultório haviam diversas irregularidades e práticas que não são permitidas dentro do estabelecimento de acordo com a Resolução. “Apenas consultas clínicas e procedimentos menores podem ser realizados neste tipo de estabelecimento, pontuou.

Segundo a Resolução nº 1275 os consultórios veterinários podem prestar os seguintes serviços descritos no artigo 5º:

Ato básico de consulta clínica, de realização de procedimentos ambulatoriais e de vacinação de animais, sendo vedada a realização de anestesia geral, de procedimentos cirúrgicos e a internação.

Parágrafo único. É permitida a utilização de sedativos e tranquilizantes, combinados ou não com anestésicos locais, para contenção e realização de procedimentos ambulatoriais, sob a supervisão e presença permanente do médico veterinário.

Os materiais encontrados no local sinalizam a realização de cirurgias e internações no local, que podem ser realizadas apenas por clínicas e hospitais veterinários que possuem além de estrutura e equipamentos adequados, a presença de um médico veterinário no estabelecimento enquanto o animal de estimação estiver internado.

Reforçando a importância da denúncia, o presidente do CRMV-MS, Rodrigo Piva alerta sobre a necessidade de sempre consultar se o local onde seu pet receberá atendimento, realmente está preparado para tal. “Temos um sistema online de consulta que pode ser realizado por qualquer pessoa, basta acessar: https://siscad.cfmv.gov.br/paginas/busca . Não coloque a vida do seu pet em risco”, alertou.

Caso haja irregularidades no local onde seu pet foi atendido, basta fazer a denúncia que o CRMV-MS irá fiscalizar: http://crmvms.org.br/denuncia-estabelecimento/

Também participou da ação a agente Fiscal, Carla de Lucena Guedes.

Ascom CRMV-MS

 

 


Compartilhe:



Ver mais notícias

Deixe um Comentário








Ver galeria de fotos

Ver galeria de vídeos

Ver galeria de podcasts